Na reapresentação do Sport após a derrota para o Náutico, na Arena de Pernambuco, o goleiro Magrão falou sobre a lição que a equipe rubro-negra deve tirar do primeiro clássico do ano. Segundo o goleiro, o “favoritismo” deve ficar fora de campo.

Para Magrão, derrota no clássico serve de lição

Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

A maior lição é saber que a vitória só vai vir com suor, com um empenho maior. O favoritismo tem que ficar fora de campo, pois tudo acontece dentro das quatro linhas e para as coisas seguirem da maneira que nós queremos vamos ter que nos doar para conseguir as vitórias”, disse o ídolo.

Já visando o jogo da próxima segunda-feira, contra o Pesqueira, na Ilha do Retiro, o camisa 1 acredita que o time pode conquistar um bom trunfo para seguir evoluindo neste início de temporada.

No futebol a cada jogo você tem a oportunidade de estar mudando a história. Diante do Pesqueira a gente tem essa chance e para conseguir a vitória temos que jogar um melhor futebol e mais na frente ir melhorando e conseguindo os nossos objetivos”, afirmou.

(SiteOficial)