Por: Alexandre Ricardo/CoralNET

Quase lá. É desta forma que o técnico Roberto Fernandes respondeu sobre a equipe que vai entrar em campo contra o Globo/RN, pela 14ª rodada Série C.

Resultado de imagem para COLETIVA Roberto Fernandes santa cruzConfirmando a volta de Sandoval na defesa, o treinador coral ainda tem uma dúvida. Sem Arthur Rezende, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, três jogadores estão na disputa para serem escalados.

A opção mais provável é Leandro Costa, que treinou na quarta-feira(11), a última movimentação tática aberta à imprensa. Além dele, a entrada de Augusto também faz com que Jailson seja deslocado para o meio-campo. Caso Geovani seja escolhido, o jogador permanece na posição que vem atuando, nos lados do campo.

A tendência é em entrar com esse time que vem trabalhando. A entrada do Leandro Costa é a mais provável, mas tem aspectos positivos e outras situações negativas, como todas as outras possibilidades. O Augusto, apesar de não ter ido bem no segundo tempo contra o Remo/PA, também pede passagem. Então é uma situação que vou segurar até momentos antes do jogo “, disse o comandante tricolor.

O fato de não poder contar com Arthur Rezende foi lamentado por Roberto Fernandes. Para ele, a característica do jogador só é encontrada em outra peça que é desfalque: Carlinhos Paraíba, que está na transição física e só deve voltar na próxima rodada. Nessa perspectiva, a possibilidade de montar o time com Charles foi descartada.

Entrar com três volantes está descartado. Temos dois jogadores no elenco com características de armação, que são Arthur Rezende e Carlinhos Paraíba. Estamos sem os dois para o jogo. Numa partida como essa, um perfil como esse faz falta. Geovani é meia-atacante, Jeremias também. Nossa maior preocupação é preencher o meio-campo e evitar que se torne um 4-4-2 “, analisou.

ADVERSÁRIO
Conheço muito bem o time do Globo/RN. Vi a fundação do clube, todos os acessos, as finais de Estadual disputadas. São jogadores que atuam juntos há muito tempo, alguns jogavam a Série A recentemente. Precisamos de muita concentração porque a Série C já provou que camisa não ganha jogo “.

AVISO
Já falamos com os atletas. A queda do rendimento no segundo tempo contra o Remo foi motivo de análise, tivemos duas reuniões tratando desse jogo. Mostramos o que não pode voltar a acontecer, com vídeos durante a reapresentação. A responsabilidade de jogar em casa está ligada com o resultado, sabemos que precisamos vencer “.

PÚBLICO
A torcida do Santa Cruz é fundamental. Às vezes fico até constrangido em convocar o torcedor. É como se estivesse chovendo no molhando. Sabemos o que é esse apoio, eu particularmente que já estive como adversário. A expectativa é que passemos dos 20 mil e isso se torne cada vez mais recorrente “.

Santa Cruz x Globo/RN as 19h neste Sábado(14) no Arruda pela 14ª rodada, grupo A, série C.