Por José Joaquim…

O nosso futebol tem momentos de bom profissionalismo, ao mesmo tempo que envereda para o puro amadorismo.

Um bom exemplo se retrata na forma como o seu maior torneio é programado. As datas mudam ao sabor dos ventos. Clubes que disputam outras competições têm seus jogos remarcados. De repente, alguns estão em uma determinada rodada, enquanto outros estão com jogos atrasados.

O futebol europeu vende com antecedência de quase um ano os seus ingressos para toda temporada. Lá se tem o conhecimento de que o jogo Chesea e Manchester United será realizado na data x, e isso realmente acontece. No Brasil, o jogo Santos e Palmeiras estava marcado para uma determinada data e foi realizado quase um mês depois.

Como poderemos vender ingressos antecipados, se não cumprimos com o calendário dos jogos? Os cartolas acham mais conveniente a ¨esculhambação¨ que se torna aquisição de ingressos em nosso futebol.

Começa a competição, e os jogos são programdos para 21 horas do sábado. Como não houve demanda de público nem audiência para a televisão, modificam e colocam para 18 horas, sem consultar os maiores interessados: os torcedores.

Por outro lado, o futebol brasileiro passou a fazer parte da grade de televisão e, por conta disso, os jogos do meio da semana são programados para 22 horas. Um verdadeiro esporte bacurau.

O futebol certamente é um produto melhor do que as novelas das 21 horas, entretanto é tratado como um artigo de segunda, e fundamentalmente alijando os consumidores dos estádios, que para assistirem aos jogos nesse horário, e se não tiverem transporte próprio, certamente chegarão as suas residências às 02 horas da manhã, e saem para trabalhar às 05:00.

Certamente irão optar pela televisão, diminuindo, desta forma, a demanda do jogo e as receitas desses se apequenam. O maior exemplo é o da nossa média de público no Campeonato principal, que não ultrapassa os 15 mil torcedores/jogo. Menor que alguns campeonatos da segunda divisão europeia.

Retrato de uma realidade, com dirigentes sem a altivez de combaterem tais abusos, principalmente, a de verificarem o prejuízo que seus clubes estão tomando, quando não existe uma possibilidade da venda dos ingressos antecipados, e que estão menosprezando a sua base financeira, que é representada pelos seus consumidores.

O mal é que somos um futebol dito profissional, dirigido por amadores e, em alguns casos, por espertalhões.

O próprio futebol vem se apequenando, inclusive com a própria seleção da CBF, e os atletas muito mais preocupados com os seus cabelos, com os seus filhinhos, tatuagens de malandros, e o rap de sua autoria, recebendo para isso o apoio da imprensa esportiva, e esquecem o fundamental, que é o de jogar futebol.

Como estamos começando a nova temporada, esperamos que esses amadores olhem o futebol como um evento profissional e não possam corrigir as besteiras que normalmente vem acontecendo.

Blog de JJ

Online pharmacy is a ideal way to find a doc in your area who treats such soundness conditions. Nowadays the assortment you can purchase in the Web is in reality great. Have a question about Cialis and https://corpmoreinfo.com? This website provides you with some useful information on the benefits of medicines and how they are researched. There are variant medicaments for male impotence cure. Where you can get detailed information about viagra substitute? The advice is simple, but it can make all the difference if you need information about kamagra. High blood stress can lead to erectile dysfunction. Do not take more of Cialis or any other remedy than is recommended.

mrelaxabuy ortho tri-cyclenarthritisbuy eye drops online