PELO BLOG DE JJ

As estatísticas do Brasileirão da era de pontos corridos à partir de 2006 com vinte clubes, mostram que o numero ideal para evitar a degola é de 44 pontos, mas sendo sujeito aos critérios técnicos.

Nos últimos anos isso vem acontecendo.

Temos uma tabela para acompanhar a situação dos clubes durante a competição, que serve para checar as suas pontuações para que as providencias sejam tomadas, tanto para a manutenção que vem acontecendo, ou para a recuperação na busca de pontos perdidos.

O Brasileirão tem 38 rodadas.

Separamos as duas últimas para que possam servir para a garantia de uma permanência (stand-by) de acordo com a classificação até a 36ª rodada.

O modelo é bem simples: Separam-se 4 etapas de 9 jogos cada uma.

Nessas os clubes para fugirem da degola terão que somar 11 pontos, que no final darão os 44 necessários, que poderão ser ampliados com os resultados das últimas rodadas.

O interessante é que um disputante se não conseguir obter essa pontuação, entra na segunda etapa sabendo do que precisa somar para chegar ao nível ideal.

Ou seja, se conquistar apenas 9 pontos, necessitará de 13 no pacote seguinte, e assim segue até o final.

A tabela serve para as agremiações projetarem o seu campeonato, em especial aquelas que entram na competição com apenas o desejo da permanência.