Futebol Pernambucano

Treze(PB) fecha contrato com o material esportivo Pernambucano GARRA TEAM!!

O Treze de Campina Grande fechou no final da noite desta Segunda(20) uma importante parceria com a empresa Pernambucana de  material esportivo GARRA TEAM.

O diretor Presidente dos produtos GARRA TEAM, Gustavo Aguiar, esteve em Campina Grande e ao lado do presidente do Treze, Eduardo Medeiros, fechou contrato de um ano.

WA: Treze e GARRA TEAM já vinham conversando a quanto tempo?

GUSTAVO AGUIAR: O interesse partiu do clube há dois meses atrás já que o clube não iria renovar com o fornecedor atual. Como eles estavam disputando a série C que era muito importante deixamos para bater o martelo só na última Sexta(17) após a competição.

WA: O que vai mudar no novo uniforme do Treze?

GUSTAVO: Vai mudar tudo, menos as cores claro (Risos). Vamos dar um toque de modernidade. Vamos fazer com que o Treze acompanhe a tendência do futebol mundial, através de lealt e melhor tecido. Vamos ter também vários produtos para a festa dos 90 anos do Treze que vai acontecer em 2015.

WA: Quando será o lançamento dos novos uniformes?

GUSTAVO: Vamos fazer o lançamento dos novos uniformes provavelmente no final de Novembro. Nesse lançamento vamos apresentar também não só os uniformes do futebol do clube. Vamos lançar uma linha FITNESS exclusiva para o torcedor Trezeano que costuma correr e malhar. Outra novidade é que lançaremos as camisas UV com proteção contra raios solares ultravioletas.

WA: Quantos clubes a GARRA TEAM veste hoje?

GUSTAVO: Temos hoje em Pernambuco, Central e América, no Rio Grande do Norte, o Globo e o Potiguar de Mossoró, temos o Guarany de Sobral no Ceará, e agora Treze na Paraíba. A GARRA TEAM veste também os árbitros da Copa do Nordeste e os árbitros do campeonato Pernambucano.

O caminho de Santa e Náutico na reta final da Série B

Faltando nove rodadas para o término da Série B, Náutico e Santa Cruz ainda nutrem esperança de classificação à Série A. A missão, porém, não é nada fácil. Enquanto o timbu, a sete pontos do G-4, tem apenas dois confrontos diretos contra equipes acima dele na classificação, o tricolor enfrentará seis times melhores colocados, o que lhe dá um maior alento para diminuir a grande diferença para o G-4.

O que poderia ajudar o Náutico seria ter mais confrontos diretos. Como só enfrentará Boa (sexto lugar) e Ponte Preta (líder), a torcida será para os adversários na luta do acesso tropeçarem. Nas próximas três rodadas, o timbu enfrentará Sampaio, Boa e Atlético-GO, todos na mesma faixa de pontuação que ele.

Depois, joga com Icasa, atualmente no Z-4, duelo que precede o clássico contra o Santa Cruz, na Arena PE. Luverdense, no meio da tabela, Oeste e América-RN, ambos lutando contra a queda, e Ponte Preta serão os últimos quatro jogos. “Temos que torcer contra eles e vencer os nossos jogos”, disse o volante João Ananias.

Do lado tricolor, seis confrontos serão diante de equipes acima na classificação. Desses, o time joga em casa contra o Vasco, no próximo sábado, na Arena PE, Sampaio Corrêa e Avaí. Fora terá o Ceará e o Atlético-GO, na última rodada. Um jogo, porém, é considerado fora por ser o clássico na Arena PE contra o Náutico. Abaixo do tricolor os confrontos serão diante do Vila Nova e América-RN, em casa, enquanto fora enfrenta o Bragantino.

O que pode amenizar um pouco a situação do Santa Cruz é fato de ter cinco confrontos atuando em casa. Mesmo assim, o meia Danilo Pires afirmou que antes de tudo é preciso passar pelo Vasco. “A partida contra o Vasco definirá a nossa situação. Uma vitória nos deixa ainda na luta, um tropeço nos coloca, não definitivamente, mas em uma situação de se manter na Série B”, argumentou.

Felipe Amorim
Henrique Queiroz/JC

Vera Cruz 2×1 Atlético-PE “Vera Cruz Campeão da 2ª divisão do PE”

O título do Pernambucano Sub-23 pertence ao Vera Cruz. Neste domingo (12), o Galo derrotou o Atlético-PE por 2×1, no Estádio Severino Cândido Carneiro, em Vitória de Santo Antão, conquistando o terceiro torneio de acesso à elite do futebol do Estado.

Os gols do Vera Cruz foram marcados por Cláudio e Moisés, enquanto Everton descontou para o Tatu-Bola. Todos os gols foram marcados no segundo tempo do jogo.

Como apenas a vitória interessa aos clubes, Vera Cruz e Atlético-PE fizeram um primeiro tempo com bastante lances ofensivos. Os dois times buscaram o ataque, mas pararam nos goleiros adversários.

O Galo levou perigo principalmente com Reidson e Cesinha, enquanto o Tatu-Bola assustava principalmente nas cobranças de falta do lateral-esquerdo Silva.

Rodolfo e Alexandre, dentro da grande área, desperdiçaram as melhores oportunidades da primeira etapa para o Vera Cruz. Já o Atlético-PE quase abriu o placar após cobrança de falta Juninho, que Válber defendeu.

As chances desperdiçadas na etapa inicial foram concretizadas na final. Logo aos cinco minutos o Galo abriu o placar com Cláudio, de cabeça, após uma cobrança de escanteio.

O Tatu-Bola reagiu nos instantes seguintes e chegou ao empate aos 13 minutos. Everton cobrou pênalti com eficiência e deixou tudo igual.

A partida seguiu equilibrada, com as equipes não deixando espaços para os adversários criar oportunidades.

O gol do título saiu graças a um lance inspirado de Moisés. O camisa 13 do Galo acertou um belo chute, no ângulo do goleiro Celso.

O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF) Evandro Carvalho, que chefia a delegação da seleção brasileira na Ásia, foi representado pelo vice, Pedro Lacerda. Os diretores Elias Coelho, Murilo Falcão e Roberto Zaidan também prestigiaram a partida.

(FPF-PE)

Vera Cruz e Atlético/PE decidem o título do PE Sub-23

Chegou o dia de conhecer o campeão do Campeonato Pernambucano Sub-23. Neste domingo (12), Vera e Cruz e Atlético/PE duelam, às 15h, no Estádio Severino Cândido Carneiro, em Vitória de Santo Antão pelo título da competição.

Por ter melhor campanha na segunda fase, o Galo atuará em seus domínios. Além dos ingressos do Programa Todos Com a Nota, os torcedores poderão adquirir bilhetes por R$ 10.

Os dois clubes já estão garantidos no Pernambucano da próxima temporada. O Vera Cruz e o Atlético/PE foram regulares durante todo o torneio, conquistando o acesso com méritos. Os times se enfrentaram duas vezes, com o Galo conquistando uma vitória e o outro jogo terminando empatado.

O Galo foi o líder do grupo C na primeira fase e também teve a melhor campanha da chave F na segunda etapa. Nas quartas de final passou pelo Araripina e conquistar o acesso após eliminar o Jaguar nas semifinais.

Invicto na primeira fase, o Atlético/PE ficou na segunda colocação do grupo D e avançou para as quartas de final como terceiro do F. No primeiro mata-mata eliminou o Altinho e garantiu uma vaga na elite do futebol pernambucano ao passar pelo Belo Jardim.

No Pernambucano Sub-23, o Vera Cruz fez 20 jogos, sendo 11 vitórias, seis empates e três derrotas. O destaque do time é o vice-artilheiro da competição, Cesinha, com 12 gols. Ele ainda pode alcançar Pedro Maycon, do Belo Jardim, que tem 13.

O Atlético/PE fez 20 partidas, sendo oito vitórias, dez empates e duas derrotas. Os artilheiros do Tatu-Bola na competição são Alan e Edimilson.

(FPF-PE)

Tabela do primeiro turno do Pernambucano é divulgada pela FPF

Na tarde desta quinta-feira, a Federação Pernambucana de Futebol (FPF-PE) divulgou a tabela do primeiro turno no Campeonato Pernambucano 2015.

Nessa primeira fase participam oito times – América, Central, Porto, Serra Talhada, Vera Cruz, Atlético Pernambucano, Ypiranga e Pesqueira. As duas que se saírem melhor nessa etapa avançam para o segundo turno, onde enfrentarão Sport, Náutico, Santa Cruz e Salgueiro.

A primeira fase ganhou o nome de Eduardo Campos, em homenagem ao ex-governador de Pernambuco que morreu em um acidente aéreo em agosto deste ano. Serão 14 rodadas só nesse turno, contando jogos de ida e volta que acontecem nas quartas e domingos. A tabela completa está disponível no site da Federação.

Confira os jogos da primeira rodada:

Foto: Reprodução/Site da FPF

(Blog do torcedor)

Salgueiro reclama de privilégio ao Santa Cruz no Estadual

Os clubes do interior não saíram satisfeitos do Conselho Arbitral que definiu o regulamento do Pernambucano 2015. A reclamação é porque o Santa Cruz, fora da Copa do Nordeste, não disputará o Primeiro Turno do Estadual e entrará apenas no Hexagonal do Título.

O presidente do Salgueiro, Clebel Cordeiro, reconheceu que não há como mudar, no entanto, formalizou, juntamente com os outros times, uma reclamação à CBF no que ele considera um privilégio ao Tricolor.

O argumento da Federação é a recomendação da CBF informando que os clubes das Séries A e B não podem disputar o Estadual em dezembro, devido às férias e pré-temporada. Contestei isso e vamos fazer um documento porque é um desrespeito com o Estatuto do Torcedor. Não pode o Santa Cruz não correr risco de rebaixamento, deveria disputar de forma igual aos outros clubes”, afirmou o mandatário do Carcará.

Este documento assinado pelos clube do interior terá pouca valia, visto que não haverá modificações. Porém, Clebel espera que a reclamação seja registrada. “A fórmula não pode mudar, mas o documento é para explicar a nossa contrariedade. O bom senso não pode ser só para os grandes e esquecerem os pequenos. Este documento é para expressar a nossa indignação”, completou.

(Informações do LeiaJá.com)

GALETÃO!! Clubes decidem o regulamento do Pernambucano 2015

Em reunião realizada terça-feira (7), na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, os 12 clubes que disputarão o Campeonato Pernambucano definiram o regulamento da competição. A primeira fase começará no dia 7 de dezembro deste ano e o campeão será conhecido no dia 6 de maio.

Além dos representantes dos times que participarão do torneio, o Conselho Arbitral contou com a presença do vice-presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF) Pedro Lacerda, que representou o presidente Evandro Carvalho, e do diretor de competições da FPF Murilo Falcão.

A primeira fase será disputada por oito equipes. Central, Serra Talhada, Porto, Pesqueira, América, Ypiranga, Atlético-PE e Vera Cruz se enfrentarão em jogos de ida e volta.

Os dois primeiros colocados, além de garantirem as vagas na Série D do Campeonato Brasileiro, seguirão na disputa do título do Estadual. Os outros seis clubes jogarão entre si pela permanência na elite do futebol pernambucano. Os quatro times com melhor campanha na fase disputarão o torneio em 2016.

As duas equipes que estiveram classificadas se juntarão a Sport, Náutico e Salgueiro, representantes do Estado na Copa do Nordeste, e o Santa Cruz, que entrará nesta fase da competição por determinação da CBF. Os seis clubes jogarão entre si e os quatro primeiros colocados avançam para as semifinais.

O campeonato foi formulado para que os clubbes possam estar em atividade durante boa parte do ano. O Pernambucano é um dos estaduais mais fortes do País e vamos manter essa tradição“, afirmou o diretor de competições da FPF Murilo Falcão.

(FPF-PE)

No Pernambucano 2015, a novidade será o saldo de gols como critério de desempate nas semifinais, finais e decisão pelo terceiro lugar.

Porto é CAMPEÃO PERNAMBUCANO Sub-20 na Arena Pernambuco

O Porto é o novo campeão do Campeonato Pernambucano Sub-20. Nesta terça-feira (7), o Gavião empatou por 1×1 com o Náutico, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, conquistando pela terceira vez a competição. Anteriormente, o Tricolor do Agreste havia levantado a taça em 2008 e 2004.

Thaciano marcou o gol do Porto, enquanto Niel marcou para a equipe alvirrubra, que buscava o terceiro título consecutivo. O jogo de ida, realizado no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru, foi vencido pelo Tricolor do Agreste por 1×0.

A primeira etapa foi marcada pelo equilíbrio. Precisando da vitória para ser campeão, o Náutico foi cauteloso nos instantes iniciais. Com receio de dar espaços para o adversário, o Timbu tinha dificuldade para criar as jogadas. Já o Porto marcava com eficiência.

Foi preciso que os alvirrubros acertassem o travessão para que o jogo ganhasse em emoção. O Tricolor do Agreste se lançou ao ataque e foi recompensado com uma bela jogada de ataque.

Após longo lançamento, Erickys cruzou a bola na cabeça de Thaciano, que estufou as redes, abrindo o placar aos 34 minutos do primeiro tempo.

Na etapa final, o Náutico se lançou ao ataque, conseguindo o empate com Niel, também de cabeça. O Timbu pressionou nos instantes finais, mas o volume de jogo não foi o suficiente para tirar a vantagem do Porto.

(FPF-PE)

Sub-20 do Náutico decide título estadual na Arena PE

Precisando vencer para conquistar o terceiro título na competição, o time sub-20 do Náutico vai até a Arena Pernambuco enfrentar o Porto, às 16h da próxima terça-feira (7), no segundo jogo da final do campeonato. A partida estava marcada para a próxima quinta-feira (9), às 15h30, nos Aflitos, mas a FPF alterou o local e o horário do confronto.

Foto ilustrativa Folha de PE

A decisão do Campeonato Pernambucano Sub-20 ocorrerá mesmo dia em que o time principal do Náutico disputará a 27ª rodada da Série B, contra o América-MG, às 19h30, os prata da casa contarão com o apoio da torcida para ter ainda mais força para buscar o tricampeonato.

Após perder por 1 a 0 em Caruaru, a equipe de Sérgio China precisa vencer para conseguir levantar a taça do campeonato. Caso o resultado da primeira partida se repita, a taça será disputada nos pênaltis. Ocorrendo gol do visitante, o Timbu será obrigado a ampliar para dois gols de diferença.

Homenagem ao capitão do hexa:

Antes do jogo, será prestada uma homenagem a Ivan Brondi, diretor de futebol da base e ex-jogador do clube. Em comemoração aos 73 anos, os jogadores entrarão com uma faixa parabenizando o ex-atleta.

(LeiaJá.com)

Campeonato Pernambucano começa em Dezembro sem os grandes na 1ª fase

A Federação Pernambucana de Futebol apresentou na tarde desta terça-feira esboço da fórmula do Estadual 2015, com os grandes clubes entrando apenas no segundo turno. Incluindo o Santa Cruz, único da capital que não disputará a Copa do Nordeste.

Além do tricolor, Sport, Náutico e Salgueiro não irão participar da primeira fase da competição, restrita às equipes do interior. Elas irão jogar em sistema de ida e volta, classificando apenas duas para o hexagonal que vale o título.

Esta primeira etapa se inicia no dia 10 de dezembro, indo até 28 de janeiro, classificando dois clubes para o segundo turno. Já os hexagonais (do título e do rebaixamento) começa no dia 1º de fevereiro, três dias antes do que prevê o calendário nacional divulgado pela CBF.

O hexagonal que vale o título será disputado também em ida e volta, com todos os times se enfrentando. Os quatro melhores vão às semifinais, repetindo o regulamento do Pernambucano 2014. E assim como este ano, Estadual e Nordestão correrão paralelamente.

As finais do Campeonato Pernambucano estão previstas para os dias 3 (domingo) e 6 de maio (quarta-feira), dois dias antes da abertura da Série B do Brasileirão.

A fórmula apresentada à imprensa, no entanto, depende de aval dos clubes, que se dará durante o Conselho Arbitral, previsto para segunda-feira, na sede da FPF. Na reunião, serão definidos ainda os critérios de desempate nos mata-matas. Este ano não foi levado em consideração o saldo de gols, causando injustiça como ocorreu na semifinal entre Sport e Santa Cruz. O tricolor venceu o jogo de ida por 3×0, no Arruda. Perdeu a volta por 1×0 e, depois, a vaga nos pênaltis.

(JC Online)

OBS WA: Fora da Copa do Nordeste em 2012 o Náutico disputou a 1ª fase do estadual.

PERGUNTAR NÃO OFENDE: Porque o Santa Cruz que está fora do Nordestão não vai jogar também a primeira parte do estadual?

Segundo a Federação informa, a CBF mudou o critério proibindo qualquer filiado que disputa séries A ou B de jogar no mês de Janeiro.

RESUMINDO: Os clubes pequenos que iriam faturar um pouco mais com a presença do Santa (Que seria a atração) é que pagam o pato no prejuízo(foto)!!

Campeonato Pernambucano em contagem regressiva para se acabar.