Copa do Mundo 2014

Árbitro Sandro Meira Ricci avalia treinamento da Fifa na Suíça

Árbitros e assistentes da CAF, da CONCACAF e da CONMEBOL acabam de se reunir na sede da FIFA em Zurique, na Suíça, para um seminário preparatório para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014™ que durou uma semana. Este é o segundo grupo a passar pelo curso, após aquele que contou com juízes da Europa e da Ásia em março.

Entre os dias 7 e 11 de abril, os 16 árbitros e 27 assistentes passaram por diversos testes médicos, físicos e técnicos para que fosse possível conhecer suas atuais condições.

O aspecto técnico do treinamento apresentou uma abordagem com um novo ângulo: uma análise em vídeo de situações de jogo, com o objetivo de oferecer uniformidade e coerência, e exibir as mudanças na mentalidade tática. Os árbitros também tiveram a chance de expressar seus pontos de vista, trocar opiniões a respeito de sua leitura do jogo e entender maneiras diferentes de pensar.

“Isso aqui realmente se resume em ‘uniformidade e coerência’“, explicou Mark Geiger, juiz dos EUA. “Os árbitros vêm de todas as partes do mundo, com muitos estilos e personalidades diferentes. Por isso, é importante para nós estar falando a mesma língua quando o torneio começar em junho. Precisamos enxergar o jogo do mesmo jeito para que, não importa qual árbitro esteja em campo, a partida seja apitada igual“.

Jogadores sub-17 e sub-18 do Zurique foram usados para praticar e simular diversas situações de jogo para que os árbitros pudessem chegar à desejada uniformidade no processo decisório e em seu posicionamento. O diretor de Arbitragem da FIFA, Massimo Busacca, conceituado ex-árbitro da entidade, conduziu o seminário intensivo, que incluía diversas sessões práticas e teóricas.

Sandro Ricci, que viajou do Brasil para participar do evento, foi só elogios ao nível de preparação proporcionado. “É uma grande oportunidade para que todos nós troquemos experiências. Estamos todos nos preparando para esta Copa do Mundo, que será única. Por isso, estamos conversando e aprendendo muito juntos. Tenho certeza de que eu e meus colegas estaremos bem preparados para este desafio“, disse o árbitro do Distrito Federal, que faz parte da Federação Pernambucana de Futebol (FPF).

Assim como no seminário de março, o fair play foi o principal foco, já que a proteção dos jogadores e da imagem da modalidade foi a prioridade ao longo da semana. Busacca enfatizou a importância deste ponto para a Copa do Mundo. “Para mim, é uma das mensagens mais importantes que precisamos dar ao mundo e aos jogadores. Iremos ao Brasil, um dos países mais famosos e importantes do futebol“, disse o suíço.

Precisamos ter fair play e respeito. As situações podem acontecer em menos de um segundo para um árbitro, e às vezes eles não têm o melhor ângulo. Por isso, é importante colaborar. Os jogadores têm que entender que o futebol é uma coisa que precisar ser curtida, e não destruída. Às vezes, se não existe fair play, para um árbitro é muito difícil tomar a decisão certa“, concluiu.

(FPF-PE)

Ministro Gilberto Carvalho aponta desinformação sobre a Copa

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho falou, nesta quinta (3), à Agência Brasil sobre a desconfiança envolvendo a preparação e o alcance da Copa do Mundo e apontou as causas como informações parciais que são repercutidas na sociedade.

Por exemplo, essa ideia de que tudo foi corrupção, isso não é verdade. A CGU [Controladoria-Geral da União] acompanhou milimetricamente a construção dos estádios. Houve problema de corrupção em alguns pontos? Houve, mas foram corrigidos imediatamente”, disse.

O governo federal iniciou, nesta quarta (2), em Manaus (AM), uma rodada de debates com os movimentos sociais e representantes da sociedade a para esclarecer à população sobre as iniciativas desenvolvidas para a Copa, visando dar mais transparência às ações. “Saí de Manaus muito animado com essa peregrinação que vamos fazer nas 12 cidades”, disse o ministro sobre a iniciativa, chamada de “Diálogos Governo-Sociedade Civil: Copa 2014”.

Eu tenho certeza de que o clima de Manaus não vai se reproduzir com a mesma intensidade em outras cidades onde há outros problemas. Mas tenho certeza de que, à medida que as pessoas vão tomando consciência e informação sobre tudo, da dimensão da Copa, do que o Brasil vai significar durante um mês sendo visto pelo mundo inteiro, muitos que hoje estão reticentes vão se entusiasmar com o evento”, argumenta Carvalho.

A plenária com as lideranças sociais reuniu mais de 400 pessoas em Manaus. “Me surpreendeu a capacidade que eles desenvolveram lá de compreender a Copa do Mundo na sua globalidade e, sobretudo, vendo o evento como uma oportunidade. Os movimentos mostraram uma incrível vontade de participação”, disse o ministro, explicando que, entre as reivindicações, está o pedido para que os ambulantes possam trabalhar no centro da cidade e que os índios tenham autorização para vender artesanato local aos turistas.

Não havia um clima contra a Copa. Eles ficaram muito felizes porque levamos uma série de informações que não tinham chegado a eles. O que significa, por exemplo, na Copa, os gastos públicos e os gastos privados, comparar os R$ 8 bilhões que custaram os estádios, dos quais apenas R$ 4 bilhões são dinheiro público, com os R$ 74 bilhões que nós gastamos em educação e os R$ 92 bilhões que gastamos na saúde ano passado. Mostramos que é falsa essa tentativa de jogar uma coisa contra a outra”, explicou o ministro.

Sobre a possibilidade de manifestações violentas no período do Campeonato Mundial, Carvalho disse que o governo está apostando que a sociedade não vai aderir aos movimentos. “Cada vez mais a população vai se dando conta que esse tipo de manifestação não resolve, prejudica, e no fundo elas devem ser evitadas”, disse o ministro.

Ele explicou que o governo dialogará com os grupos de manifestantes, esperando que, a despeito do direito de participar de protestos, esses atos ocorram sem violência.

Carvalho participou, nesta quinta, de reunião na Escola Nacional de Administração Pública (Enap), onde 16 especialistas de todo o país se reúnem para a escolha dos 30 projetos e iniciativas de prefeituras e organizações sociais a serem contemplados pela 5ª edição do Prêmio ODM Brasil. A cerimônia de premiação ocorrerá no dia 23 de maio.

LeiaJá.com

Fifa não vai ceder estádios da Copa para o Brasileiro

A Fifa vetou a utilização dos estádios da Copa do Mundo para jogos do Campeonato Brasileiro das Séries A, B e C a partir do dia 21 de maio. Nesta data, a entidade assume a responsabilidade por todas as arenas para iniciar a preparação para os jogos do Mundial.

A Fifa já havia definido que não liberaria os estádios para algumas rodadas do Brasileirão, mas os clubes ainda sonhavam com a possibilidade de mandar seus jogos nas arenas ao menos na 6ª rodada – pela data estipulada, os times só poderão utilizar os estádios até a 5ª rodada do Brasileirão.

A medida inclui ainda nesta data os estádios que receberão treinos das seleções da Copa, como Arena Grêmio, Pacaembu e Independência. Com estas restrições, a 6ª rodada da Série A tem apenas dois dos dez jogos da tabela com estádios definidos: Criciúma x Chapecoense, no Heriberto Hülse, e Goiás x Santos, no Serra Dourada. Os demais times terão que buscar alternativas junto à CBF para mandar suas partidas, provavelmente no interior.

A determinação da Fifa foi confirmada pelas concessionárias responsáveis pelas operações do Maracanã, da Arena Pernambuco e da Arena Fonte Nova. “As administradoras ressaltam que, durante este período, é vetado pela Fifa a marcação de jogos do Campeonato Brasileiro e da Série B, portanto, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é responsável por negociar com os clubes os locais para os confrontos“, registrou comunicado dos três estádios.

De acordo com as concessionárias, o Maracanã ficará sob administração da Fifa entre os dias 22 de maio e 18 de julho. Em tese, o estádio poderia receber jogo do Flamengo, contra o Bahia, ou do Fluminense, contra o São Paulo, no dia 21.

Já a Arena Fonte Nova ficará sem jogos dos times de Salvador entre 21 de maio e 11 de julho. A Arena Pernambuco, por sua vez, permanecerá fechada para os clubes da casa entre 22 de maio e 4 de julho.

Até maio, os três estádios receberão jogos da reta final dos Campeonatos Baiano, Pernambucano e Carioca, as primeiras rodadas do Brasileirão e confrontos da Libertadores, no caso do Maracanã“, diz a nota das concessionárias.

Elas confirmaram ainda que os três estádios não receberão mais shows até o fim do Mundial. “A agenda de shows está suspensa desde a apresentação do cantor Elton John na Arena Fonte Nova, no dia 22 de fevereiro, e só será retomada após a Copa do Mundo“.

A decisão não se refere à Arena Castelão, que tem marcado show do cantor Roberto Carlos para o dia 5 de abril. Apesar da recomendação contrária da Fifa contra a realização do evento, os organizadores confirmaram a realização do show.

LeiaJá.com

BAGUNÇA!! Obras da Arena Corinthians são suspensas por falta de segurança

O andamento das obras da Arena Corinthians deve sofrer novo atraso. Nesta segunda-feira, a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de São Paulo, determinou a paralisação dos trabalhos até segunda ordem.

Arena Corinthians tem previsão de entrega para 15 de abril, mas deve sofrer novo atraso | Crédito: Ag.Corinthians\Daniel Augusto Jr.

Segundo os auditores fisicais, a montagem das arquibancadas temporárias não oferecem segurança aos trabalhadores. A situação deve ser normalizada até que sejam instaladas proteções contra a queda dos operários.

A iniciativa foi tomada após o acidente que culminou na morte de Fábio Hamilton da Cruz, que despencou de uma altura de oito metros.
O prazo final de entrega o estádio estava estimado em até 15 de abril, mas novamente terá que ser prorrogado.

Placar.com

COPA DO MUNDO: Fan Fest no Recife segue indefinida

A Fan Fest ainda é motivo de preocupação por parte de autoridades, pela FIFA e pela população recifense. Ontem , no Rio de Janeiro, o secretário geral da entidade máxima do futebol, Jérôme Valcke deu uma declaração polêmica a respeito do evento. Os organizadores do evento poderiam processar a cidade do Recife por não realizar a festividade.

Mas essa declaração foi desmentida pelo secretário de esportes do Recife, George Braga.“Não tenho informação oficial disso, essa declaração não chegou até mim”, disse. “Foi um jornalista no achismo que soltou isso. O que ele disse foi que ainda tomaria uma decisão, mas não falou nada em processo”, completou.

O acontecimento é uma oportunidade para turistas, fãs e torcedores locais se confraternizarem e será o segundo ambiente mais animado durante o mundial, perdendo apenas para os estádios”, diz o site da FIFA. A Fan Fest foi implantada na copa da Alemanha em 2006 e definida como evento oficial da Copa do Mundo em 2010 na África do Sul.

Até o ministro dos esportes, Aldo Rebelo, deu uma solução para a realização da festividade. “A cidade pode conseguir recursos privados, como São Paulo vai fazer”, disse. O investimento está previsto em cerca de R$ 20 milhões. A FIFA já enviou recados, via imprensa, para Recife e outras sedes da copa, lembrando que o evento é uma obrigação que elas assumiram quando assinaram o contrato para receber os jogos da competição.

(LeiaJá.com)

Taça da Copa chega ao Recife no dia 23 de maio

Já era previsto, mas agora a Fifa confirmou oficialmente: a taça da Copa do Mundo aporta no Recife em 23 de maio, e fica em exposição até o dia seguinte. O “sonho de consumo” das 32 seleções classificadas para o Mundial poderá ser vista num stand do Shopping Recife.

Vale lembrar que isso se trata de uma tour – promovido pela Coca-Cola do troféu, que deve visitar as 27 capitais do País. Ao todo, a taça já percorreu mais de 150 quilômetros, aparecendo em 89 países.

Ela chegará ao Brasil em 22 de abril, quando fica no Maracanã, no Rio de Janeiro, e ficará no país do futebol por 41 dias.

RAMON ANDRADE/FOLHA PE

NOSSO REAL!! Copa de 2014 gera lucro de R$ 6,3 bilhões para a Fifa

A Fifa vai gastar bastante dinheiro durante a Copa do Mundo de 2014, mas vai ganhar bem mais do que investirá. A constatação foi feita por Jerome Valcke, secretário-geral da entidade, em entrevista ao site da própria entidade máxima do futebol.

O que a Fifa injeta no país são US$ 800 milhões, e o custo da Copa do Mundo para a Fifa é de US$ 1,3 bilhão, porque no total é somada a premiação para os times e os custos adicionais“, disse.

O próprio Valcke, no entanto, afirmou que a organização vai faturar US$ 4 bilhões com o Mundial. Desta forma, as despesas da Fifa na Copa não chegam a um terço do que a entidade vai ganhar, já que vai usar apenas 32% de seu faturamento para bancar a organização e “premiações e custos adicionais“. A sobra será de US$ 2,7 bilhões (R$ 6,3 bilhões).

Valcke indicou que o dinheiro vem principalmente dos direitos de transmissão e de patrocínios. Segundo o francês, de 60% a 65% do lucro vêm dos veículos de comunicação, enquanto 35% a 40% são proveninentes do marketing, incluindo as placas de patrocínio que ficam ao lado do campo.

Valor comparável ao de grandes empresas

O faturamento da organização presidida por Joseph Blatter é comparável ao de grandes empresas brasileiras. A Natura, por exemplo, lucra cerca de R$ 7 bilhões em um ano, valor muito próximo ao que a Fifa irá arrematar na Copa.

A Suzano, do ramo de papel e celulose, fatura menos que a Fifa: aproximadamente R$ 6 bilhões por ano. Já a Dufry, que opera as lojas duty free em aeroportos, ganha um pouco mais: em torno de R$ 8 bilhões por ano.

Algumas marcas famosas lucram bem menos que a entidade máxima do futebol. A Hering, de roupas, fatura um terço do que consegue a Fifa: cerca R$ 2 bilhões por ano. A loja de departamentos Renner também fica atrás: algo próximo de R$ 4 bilhões por ano.

Apesar dos altos valores, Valcke também fez questão de ressaltar que no lucro da Fifa não há dinheiro público brasileiro. “A Fifa não está usando dinheiro público ou dinheiro do Brasil, exceto dos nossos parceiros comerciais para ativarem suas marcas na Copa”, afirmou.

A Fifa não está pedindo por nenhum apoio financeiro das autoridades brasileiras, e tudo o que é gasto pelas cidades e o governo vai continuar no país“, completou.

MSN.COM

FAB anuncia proibição de voos sobre estádios na Copa

O governo lançou, nesta quinta-feira (13), um guia informando as restrições para o uso do espaço aéreo durante a Copa do Mundo, no período de 10 de junho a 15 de julho, que atingirão cerca de 25 aeroportos brasileiros. Durante a abertura da Copa do Mundo, que será realizada no Itaquerão em São Paulo no dia 12 de junho, com o jogo Brasil e Croácia, o espaço aéreo sobre o estádio onde será realizado o jogo às 17h, será fechado entre às 14h e às 21h.

Todos os estádios onde forem realizados jogos serão consideradas áreas de exclusão aérea, mas o horário de interrupção de voos sobre aquele espaço será definido estado a estado. Esta experiência já foi realizada durante a Copa da Confederações. Segundo a Aeronáutica, tudo foi detalhadamente estudado para que se possa garantir total segurança durante o jogos da Copa mas também evitar o mínimo de danos possíveis ao tráfego aéreo.

Por isso mesmo, as regras de fechamento dos espaços irão variar de aeroporto para aeroporto. O período de entrada em vigor das áreas de exclusão aérea dependerá do horário dos jogos.

Ainda de acordo com a FAB, para os jogos da primeira fase da competição, o tempo de restrição será de uma hora antes e três horas depois. Nas demais fases, uma hora antes e quatro horas depois. Todos os acertos, segundo a FAB foram feitos em conjunto com a Secretaria de Aviação Civil e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

LEIAJÁ.COM

SHOW DE PREPARAÇÃO: Arena da Amazônia tem inauguração adiada

A inauguração da Arena da Amazônia, em Manaus, prevista para esta sexta-feira, foi adiada. Segundo Omar Aziz, governador do Amazonas, o local ainda não está apto para receber público já que as obras ainda estão em andamento – 97% delas estão concluídas.

 

A intenção do governo local era aproveitar a passagem da presidenta Dilma Rousseff por Manaus, para inaugurar um projeto habitacional na cidade, para fazer a solenidade oficial de abertura do estádio, que receberá quatro jogos da Copa do Mundo de 2014.

Recebi uma ligação da assessoria da presidente dizendo que ela está disponível para vir a Manaus. Se ela quiser vir só para o Viver Melhor (projeto habitacional), está bom. Só vamos entregar a obra quando ela estiver 100% pronta. Não há condições de entregá-la do jeito que está. Todo esforço foi feito e nós perderíamos, porque a própria imprensa diria que tem coisas inacabadas. Já passamos por tantas coisas, vidas foram perdidas, não adianta pressa agora“, afirmou Aziz nesta segunda-feira.

O adiamento da inauguração acontece três dias depois de Antônio José Pita Martins, de 55 anos, morrer após ser atingido na cabeça pela peça de um guindaste. Ele foi a quarta vítima fatal entre os operários que trabalham no local, a terceira por acidente de trabalho.

IG.COM

Definidos os Centros de Treinamento de Seleções da Copa 2014

O Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 divulgou nesta sexta-feira (31/01) a lista final dos Centros de Treinamentos de Seleções (CTSs) escolhidos pelas 32 seleções que irão disputar a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014.

Este é um momento fundamental, porque a partir de agora podemos trabalhar com um cenário real. Ao saber exatamente onde cada seleção irá se hospedar e treinar, podemos começar a detalhar o planejamento de toda a operação de segurança, transporte, logística e outras áreas”, diz Frederico Nantes, Gerente Geral de Competição e Serviços às Equipes do COL.

Durante o processo de avaliação das instalações, que teve início em dezembro de 2011 e se encerrou em maio de 2013, uma equipe técnica formada por 18 profissionais do COL percorreu 250.000 km em todo o país para inspecionar os locais de treinamento e hotéis oficiais. Ao todo, o COL avaliou 403 candidatos em 25 estados, além do Distrito Federal. A versão definitiva do catálogo de CTSs foi lançada em outubro de 2013, com 83 locais.

Entre os centros escolhidos, 24 estão situados na região Sudeste, cinco na região Nordeste e três na região Sul do país. Os municípios de Campinas, Itu, Rio de Janeiro e Vitória receberão duas seleções cada. Entre as cidades-sede, apenas Belo Horizonte, Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo receberão seleções. O estado que mais receberá seleções é São Paulo, escolhido por 15 seleções.

Esta é uma oportunidade concreta de ampliar a participação da população paulista no evento, promovendo seus atrativos turísticos, aproveitando a infraestrutura existente, as melhorias permanentes em decorrência do evento e toda a diversidade cultural do nosso estado”, diz Julio Semeghini, Secretário de Estado de Planejamento e Coordenador do Comitê Paulista da Copa 2014.

Segue abaixo a lista completa dos Centros de Treinamentos de Seleções, que também está disponível para download em PDF no FIFA.com:

Alemanha: Santa Cruz Cabrália (BA)
Argélia: Sorocaba (SP)
Argentina: Vespasiano (MG)
Austrália, Vitória (ES)
Bélgica: Mogi das Cruzes (SP)
Bósnia e Herzegovina: Guarujá (SP)
Brasil: Teresópolis (RJ)
Camarões: Vitória (ES)
Chile: Belo Horizonte (MG)
Coreia do Sul: Foz do Iguaçu (PR)
Costa do Marfim: Águas de Lindoia (SP)
Colômbia: Cotia (SP)
Costa Rica: Santos (SP)
Croácia: Mata de São João (BA)
Equador: Viamão (RS)
Espanha: Curitiba (PR)
Estados Unidos: São Paulo (SP)
França: Ribeirão Preto (SP)
Gana: Maceió (AL)
Grécia: Aracaju (SE)
Holanda: Rio de Janeiro (RJ)
Honduras: Porto Feliz (SP)
Inglaterra: Rio de Janeiro (RJ)
Itália: Mangaratiba (RJ)
Irã: Guarulhos (SP)
Japão: Itu (SP)
México: Santos (SP)
Nigéria: Campinas (SP)
Portugal: Campinas (SP)
Rússia: Itu (SP)
Suíça: Porto Seguro (BA)
Uruguai: Sete Lagoas (MG)

FIFA.COM